Victor Habermann: Esforço e talento trilham a carreira do jogador brasileiro na Europa

Por: Rosana Ramos
 
O sonho de grande parte das crianças brasileiras envolve uma bola, um campo de futebol  e onze jogadores em cada lado. Considerado o país do futebol, o Brasil é atrativo para quem sonha em se tornar um herói nacional, levando orgulho aos milhões de brasileiros. Infelizmente, esse mercado é extremamente concorrido e são poucos os que conseguem chegar ao patamar de reconhecimento geral.

Talento não é apenas o diferencial para continuar na busca pelo sonho de se tornar um jogador profissional de futebol, é preciso antes de tudo ser esforçado. É assim que a vida do jovem Victor Habermann mudou de direção ao ser chamado para jogar profissionalmente em Portugal.

Apesar de hoje em dia Victor ter uma oportunidade única de jogar da Europa, o mesmo conta que sua paixão pelo esporte começou ainda criança. ‘’Comecei a gostar de futebol por conta do meu pai que desde pequeno me incentivou, porque ele era um esportista também, só que no vôlei, e acabou que ele passou esse gosto pelo esporte para mim. Quando pequeno, ele começou a jogar bola comigo na quadra do prédio que morávamos e foi ali que comecei a jogar bola, aos cinco ou seis anos de idade. Meus pais viram que eu gostava de futebol e começaram a procurar uma escolinha de futsal’’, disse o paulista.

Victor Habermann - Crédito das Fotos: Acervo Pessoal
Victor Habermann – Crédito das Fotos: Acervo Pessoal

Com o apoio dos pais, Victor passou por diversas escolinhas de base que atuam em específico no futsal, tendo sua primeira participação no Sub-7 em uma escolinha de associados. Sempre se destacando entre os colegas, Habermann entrou para o time de futsal do São Paulo após passar em uma peneira que participou. Assustado por conta da estrutura do grande time, ele conta que no início não conseguiu mostrar todo seu potencial. ‘’ Estava assustado, eu sofri no começo, foi muito difícil para mim, joguei um campeonato, mas fiquei mais no banco. Fiquei um ano aprendendo como se joga em clube grande e decidi que era hora de jogar com tudo o que tinha ‘’, destaca.

Buscando maneiras de se aperfeiçoar, o jovem decidiu que iria jogar também futebol de campo, integrando assim, o Clube Pequeninos do Jockey de São Paulo. Foi neste clube que sua vida começou a mudar. Suas jogadas começaram a serem gravadas até que chegou às mãos do empresário do Palmeiras, que convidou Victor para uma peneira no time. Após se destacar e ganhar o Campeonato Paulista de base, o jogador foi dispensado do time e seu futuro se tornou uma incógnita.

 

Sem deixar de lado toda sua humildade, o jovem passou alguns meses sem um time profissional até receber convite para jogar no time de várzea Moreiras, onde teve sua primeira experiência como capitão do time. Após jogar um campeonato pelo Moreiras, Victor recebeu convite para passar a treinar no time Juventus da Mooca pelo Sub-15. Logo em seguida, recebeu a oportunidade de jogar no clube da Ponte Preta, onde precisou morar sozinho nas dependências do time.  Com a chegada da pandemia, as atividades ficaram paralisadas durante um ano e dois meses, tendo retorno em 2021, mas Victor foi dispensado um mês após o retorno das atividades de treinamento. Sem clube novamente, o paulista precisou recomeçar sua carreira em busca de seu sonho.

Victor Habermann - Crédito das Fotos: Acervo Pessoal
Victor Habermann – Crédito da Foto: Acervo Pessoal

Promessa Internacional

Com grandes times e oportunidades em seu currículo, Habermann precisou da ajuda de amigos e familiares para não desistir de ser um jogador profissional. Mesmo com muitas incertezas, Victor conversou com um amigo que reside em Londres, que o questionou se ele não gostaria de mudar de vida e tentar realizar seu sonho na Europa.

Com uma nova perspectiva, o paulista aceitou o desafio após a ajuda da empresária de seu amigo. Uma nova porta se abriu em sua vida em novembro de 2021 após ser chamado para integrar o time do FC Alverca Futebol SAD, em Portugal. Hoje em dia, aos 17 anos, Victor atua no clube que o acolheu e revela que possui uma inspiração para realizar seu maior sonho.

Victor Habermann - Crédito das Fotos: Acervo Pessoal
Victor Habermann – Crédito da Foto: Acervo Pessoal

‘’Meu maior ídolo é o Cristiano Ronaldo, me inspiro muito nele pelo esforço e força de vontade. Eu acredito que o esforço vai vencer o talento, minha vida sempre teve muito esforço, além da dedicação para treinar e evoluir cada vez mais, por isso, me vejo muito igual a ele. Também me inspiro no Sérgio Ramos por conta das nossas posições em campo serem as mesmas, ele é uma referência como zagueiro. Meu sonho é me tornar um grande jogador profissional, ganhar uma Champions League, se Deus quiser irei conseguir, trabalho e treino todos os dias para isso’’, finaliza o jogador.

Victor Habermann - Crédito das Fotos: Acervo Pessoal
Victor Habermann – Crédito da Foto: Acervo Pessoal
Victor Habermann - Crédito das Fotos: Acervo Pessoal
Victor Habermann – Crédito das Fotos: Acervo Pessoal

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião deste portal